Blocos de rua fazem o carnaval 2016 em Campinas

292

12647119_978705165542639_8167839298804698772_nO Carnaval 2016 na cidade de Campinas terá uma variada programação de blocos tradicionais de rua, organizados pela população.

O desfile começa já nesse final de semana, com oito blocos animando os foliões.

Veja abaixo a programação completa dos desfiles dos blocos nesse carnaval:

BLOCO CITY BANDA (30 DE JANEIRO – SÁBADO – à partir das 13H )

No dia 30 de janeiro, a tradicional banda de Carnaval de rua de Campinas desfila mais uma vez pelas ruas do Cambuí. A concentração do bloco tem início às 14h e a previsão de saída para o percurso será por volta das 15h em frente ao Centro de Convivência.
Neste ano a City Banda completa 22 anos e traz aos foliões duas novidades, a primeira delas é a mudança no percurso, ao invés de seguir pela Rua Guilherme da Silva, o trajeto será diminuído em uma quadra antes do habitual, virando na Rua Américo Brasiliense, após passar pela Maria Monteiro, e em seguida na Coronel Quirino, retornando para o Convivência.
A outra novidade é que uma bateria com 50 percussionistas acompanhará e animará os foliões, além do tradicional trio elétrico com banda. Ao som de marchinhas e sambas enredo, o trio puxará os foliões pelas ruas do bairro em um percurso agora estimado em aproximadamente três horas e meia. Neste ano é esperado que 20 mil pessoas acompanhem a City Banda. Em 2016, o bloco faz uma homenagem ao chargista de Campinas Dalcio Machado.

BLOCO UNIDOS DO CANDINHO (30 DE JANEIRO – SÁBADO- à partir das 14H)
Esse ano o Bloco Unidos do Candinho chega à sua 23ª edição com o tema: SE EXPRESSAR É CUIDAR, DEIXA A GENTE CANTAR: LIBERDADE DE EXPRESSÃO NÃO A EXCLUSÃO! O Bloco sai às ruas dia 30 de janeiro de 2016, a concentração começa às 13h, no Cândido Ferreira, e a saída para a Praça Beira Rio está prevista às 14h30. O Unidos do Candinho espera reunir cerca de 1000 pessoas, entre trabalhadores, usuários, familiares e a comunidade em geral. A previsão é que a festa aconteça até às 19h.
Tradicionalmente, o Bloco Unidos do Candinho sai às ruas uma semana antes do carnaval oficial, levando os foliões ao grito de Carnaval pelas ruas de Sousas. Nesse ano, o Candinho conta com a participação do Bloco Cupinzeiro de Barão Geraldo, que surgiu em 2002 com o objetivo de resgatar a brincadeira do carnaval de rua e a tradição dos blocos carnavalescos dos bairros de Campinas. Há treze anos desfila pelas ruas de Barão reunindo jovens, crianças e adultos para cantar e brincar carnaval. Em 2016, o Cupinzeiro sairá com o tema Loucura, alegrando as ruas por onde passa e mantendo o carnaval espontâneo, sem cordão de isolamento.

BLOCO NAÇÃO BANTUS DE SAVURU (30 DE JANEIRO – SÁBADO – à partir das 17H )

B. Nação Bantos de Savuru sugiu em 2007 na Vila Padre Anchieta, Distrito de Nova Aparecida, com o objetivo de resgatar o verdadeiro carnaval de comunidade. O Bloco desfilou nas comunidades Vila Padre Anchieta, CDHU, Padre Josimo, Bairro Sete de Setembro e Jardim Rosalia.

BLOCO NEM SANGUE NEM AREIA (31 DE JANEIRO – DOMINGO – à partir das 13H)

Pelo oitavo ano consecutivo, o bloco carnavalesco Nem Sangue nem Areia realiza seu desfile pelas ruas da Vila Industrial, no dia 31 de janeiro (um domingo antes do Carnaval). Esse ano, o enredo do bloco é “70 Anos de Folia e História”, uma homenagem aos 70 anos de fundação da formação original do bloco carnavalesco mais antigo de Campinas. O Nem Sangue original encerrou suas atividades em 1976 e voltou às ruas em 2009.
A festa acontece a partir das 13h na concentração do Nem Sangue nem Areia (Rua Francisco Teodoro, ao lado do acesso ao túnel de pedestres da Vila Industrial), onde além do desfile os participantes poderão acompanhar shows com as bandas Pipoca Moderna e Casa Caiada. Pelo terceiro ano consecutivo, o bloco contará com a participação da Bateria Alcalina. No local, estarão à venda as camisetas do Carnaval 2016 do Nem Sangue nem Areia. A intenção da diretoria do bloco é reforçar cada vez mais suas características originais, com as alas dos bois, dos cavalinhos e dos bonecos com cabeções.

CORDÃO DO FÉLIX (31 DE JANEIRO – DOMINGO – a partir das 10H )

O cordão é uma homenagem ao Edno Félix, uma pessoa carnavalesca de coração e alma que deixou um grande vazio no bloco Unidos, do qual era o grande idealizador. Diante dessa repentina partida, surgiu a ideia de criar um cordão para homenageá- lo, pensando em resgatar um carnaval de cordões e marchinhas, em épocas em que o divertido era sair fantasiado e ir para as ruas brincar. No domingo dia 31, às 10hs, na praça Carlos Gomes, com muita alegria, muita fantasia, para encher o coreto de música.

SEM PREGUIÇA (31 DE JANEIRO – DOMINGO – à partir das 13H30 )

O Bloco Sem Preguiça é formado por moradores do bairro do Jardim Novos Campos Elíseos, que fica na região sudoeste da cidade. O Bloco é mais uma das atividades do Departamento de Cultura da Associação de Moradores do Bairro que promove várias atividades gratuitas relacionadas à cultura, recreação e lazer, como Festa dos Dias das Mães e das Crianças, oficinas, entre outras. O Bloco seguirá por ruas do bairro no domingo, dia 31, ao som de marchinhas tradicionais como “mamãe eu quero”, “ cabeleira do Zezé” , “ jardineira”, entre outras.

BLOCO DO BOB (31 DE JANEIRO – DOMINGO –à partir das 16H )

O bloco surgiu em 2009 para celebrar a vitória alcançada por um vira-lata adotado pelos taxistas que trabalhavam na praça do Largo da Santa Cruz, no bairro Cambuí. Na ocasião, a Secretaria de Saúde ameaçou retirar o cachorro do local por considerar que ele representava perigo à população. Diante da possibilidade, os taxistas foram à luta e conseguiram apoio das entidades protetoras dos animais. Cumprindo todas as determinações da Vigilância em Saúde do Município, Bob ganhou o título de cão solidário e as manchetes na imprensa. O cachorro se tornou símbolo de cão comunitário e chamou atenção no Brasil para os direitos dos animais. No carnaval de 2010 a história do cãozinho camarada e conquistou o carnaval com a marchinha criada pelo músico. O primeiro cão-naval, como foi batizado o evento, levou mais de 300 pessoas com os seus mascotes. O desfile do Bloco do Bob está programado para o dia 31 de janeiro, às 16h. Como de costume, a concentração será no Largo da Santa Cruz. A participação é gratuita.

Fonte: Blocos de rua fazem o carnaval 2016 em Campinas