Aplicativo informa se ônibus do transporte público de Campinas está atrasado

260

Os usuários do transporte público de Campinas poderão ver pelo celular se o ônibus está atrasado para chegar no ponto. Para isso, basta instalar um aplicativo em seus dispositivos móveis (smartphones e tablets) para consultar o tempo estimado de chegada dos ônibus nos pontos de parada.

A novidade é o programa chamado CittaMobi, compatível com Android e iOS, que pode ser baixado na Google Play ou App Store. Também conseguirão checar a situação de momento antes de se dirigir ao ponto pelo endereço eletrônico www.cittamobi.com.br.

Para que tudo funcione, a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) inaugurou hoje o Núcleo de Monitoramento de Transporte (NUMT), que se baseia no sistema AVL (Localização Automática de Veículos) para rastrear e gerenciar a operação de todos os ônibus do transporte coletivo municipal em tempo real.

O CittaMobi acessa o banco de dados do Núcleo de Monitoramento, que atualiza as posições dos 1.252 ônibus da frota a cada 30 segundos. Na central, seis operadores e um supervisor visualizam o andamento do transporte no mapa de Campinas, identificando problemas e passando orientações aos prestadores do serviço.

O aplicativo foi desenvolvido pela Cittati Tecnologia em Desenvolvimento de Soluções, de São Paulo. Em Campinas, vai se chamar “Busão na Hora”.

De acordo com a Prefeitura de Campians, o NUMT foi implantado com recursos oriundos da Associação das Empresas de Transporte Urbano de Campinas (Transurc). Foram investidos cerca de R$ 5 milhões, sendo R$ 300 mil no Núcleo e R$ 4,7 mi para instalar o AVL em todos os ônibus da frota.

Ao abrir o CittaMobi, o usuário é automaticamente posicionado no mapa da cidade, onde pode selecionar o ponto desejado. O aplicativo também faz busca por linha ou endereço. Outros recursos são o itinerário (percurso) da linha, desenhado no mapa, e o filtro de acessibilidade, para que apareçam somente os ônibus adaptados. Atualmente, 75,7% da frota é acessível.

Nos primeiros meses, o Núcleo de Monitoramento será considerado provisório. Esse período inicial de funcionamento visa a capacitar os profissionais e consolidar as tecnologias envolvidas, com as devidas correções técnicas. (Carta Campinas com informações de divulgação)

PMCFonte: Aplicativo informa se ônibus do transporte público de Campinas está atrasado | CartaCampinas